Julho 2012

Edição - 60
394574_10150938729177449_413576800_n
  • Claudius
    kx1dd9f2x179l52
    EDITORIAL
    Golpe de classe
    O governo brasileiro está numa situação muito delicada diante do golpe que depôs o presidente paraguaio Fernando Lugo. De um lado existem todos os[...]
    por: Silvio Caccia Bava
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • ALIANÇA BOLIVIARIANA PARA AS AMÉRICAS
    Um novo modelo de integração para os novos tempos

    Por meio da criação de organismos multilaterais, países da América Latina e do Caribe querem construir outros modelos de desenvolvimento e integração. Aposta-se em um processo de mudanças que abalem as velhas estruturas do colonialismo e construam um modelo em que a integração e a colaboração sejam pré-requisitos

    por: Maximilién Arvelaiz
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • LE MONDE
    “A bela aventura de um jornal de jornalistas”

    Produzir um jornal independente das pressões políticas e financeiras: essa perspectiva que animou tantas batalhas intelectuais e jornalísticas permanece atual. O testemunho do ex-diretor do Le Monde sobre o incessante beliscar da autonomia editorial indica a aspereza da luta a ser travada

    por: Serge Halimi
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • A CRISE VISTA DE BERLIM
    Alemães com medo do espantalho grego

    A vitória dos conservadores nas eleições gregas foi saudada por uma insólita coalizão: de Washington a Pequim e de Paris a Berlim, chefes de Estado parabenizaram o povo que decidiu manter os pagamentos ao sistema financeiro. Intransigentes, líderes alemães se apoiam no sentimento de que gregos abusam da solidariedade

    por: Olivier Cyran
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • BEM-VINDO AO FAB LAB
    Amanhã, fábricas em nossas salas

    Os reparadores de eletrônicos praticamente desapareceram; em caso de pane, frequentemente não nos oferecem outra opção além de comprar um novo aparelho. Isso é o progresso? Recusando a posição de consumidores passivos, o movimento dos “fab labs” pretende, como o do software livre, devolver o poder aos usuários

    por: Sabine Blanc
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • A FAXINA ÉTNICA
    Preconceito racial e racismo institucional no Brasil

    No Brasil, os negros sofrem não só a discriminação racial devida ao preconceito racial e operada no plano privado, mas também e sobretudo o racismo institucional, que inspira as políticas estatais que lhes são dirigidas e se materializa nelas

    por: Márcia Pereira Leite
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • ALIANÇA BOLIVIARIANA PARA AS AMÉRICAS
    Integração popular continental: a hora é agora!

    Em 2007, os governos integrantes da Alba sugeriram a criação de um Conselho de Movimentos Sociais como parte da estrutura da iniciativa. A partir de então, a Articulação Continental dos Movimentos Sociais pela Alba trabalha por uma integração solidária e anti-imperialista entre os povos do continente americano

    por: Joaquin Piñero
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • UNIÃO EUROPÉIA
    Federalismo à força

    Ao escutar os federalistas, parece que as instâncias europeias carecem de poder, enquanto os Estados disporiam de meios ilimitados

    por: Serge Halimi
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • A PERDA DOS PRIVILÉGIOS
    O Egito entre a revolução e a contrarrevolução

    Por que o Conselho Superior das Forças Armadas (CSFA) aceitou a vitória de um dirigente da Irmandade Muçulmana? Porque o Egito mudou profundamente e porque um retorno à antiga ordem não é mais possível.

    por: Alain Gresh
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • NORUEGA
    O festival dos infernos

    O intrépido Hellfest, “festival de música metal extrema”, criado em 2006 em Clisson, na França, é um grande ajuntamento no qual, durante três dias, se apresentam grupos que propõem o essencial do metal em toda sua diversidade

    por: Evelyne Pieiller
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • NORUEGA
    A direita e os imigrantes

    O julgamento de Anders Behring Breivik, acusado de matar 73 pessoas por razões políticas, terminou em 22 de junho. Como a Noruega, país rico e famoso pela tranquilidade, foi cenário de tal violência? A militância de extrema direita de Breivik, contudo, reflete uma visão de mundo predominante na Europa

    por: Rémi Nilsen
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • EM BUSCA DE UMA NOVA LITURGIA
    Cuba, o partido e a fé

    Destinado a “atualizar o socialismo”, o processo de reformas levado a cabo pelo presidente cubano Raúl Castro o conduziu a escolher um interlocutor completamente inesperado: a Igreja Católica

    por: Janette Habel
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • Justiça de Exceção
    O véu carcerário que aprisiona a Palestina

    Depois de uma greve de fome, prisioneiros políticos palestinos obtiveram um acordo que estipula o fim do isolamento, a limitação das detenções administrativas e direitos de visita às famílias. Porém, O sistema carceráro israelense permanece um instrumento essencial de controle dos territórios ocupados e da população

    por: Stéphanie Latte Abdallah
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • GUERRA CONTRRA AS DROGAS
    No méxico, o Estado recua diante dos cartéis

    A campanha presidencial mexicana – marcada por um inédito movimento estudantil que denuncia o apoio de grandes grupos privados da mídia ao candidato do PRI, Enrique Peña Nieto – confirma a preocupação central da população: sobreviver à violência cotidiana desencadeada pelo tráfico de drogas

    por: Jean François Boyer
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • A VIDA LONGE DE TEERÃ
    Em Gorgan, um mergulho no Irã

    As negociações sobre a questão nuclear entre o Irã e o grupo dos 5+1 (os membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU mais a Alemanha) não foram bem-sucedidas. Novas sanções, decididas pela União Europeia e pelos EUA, foram impostas. Longe dessa agitação, os habitantes de Gorgan têm outras preocupações…

    por: Shervin Ahmadi
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • INQUÉRITO NA OCDE
    Os cinquenta anos do “Paraíso das potências”

    Promotores incansáveis da globalização (e de seu tripé privatização, desregulamentação e liberalização), os especialistas da OCDE parecem ter esquecido o passado keynesiano de sua instituição. Os muros do Château de la Muette, que há cinquenta anos os abriga, encobrem uma história subvalorizada e surpreendente

    por: Vincent Gayon
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • PARTICIPAÇÃO SOCIAL
    Na pátria da democracia “pós-participativa”

    Professor do Departamento de Ciência Política da USP, pesquisador do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap) e do Centro de Estudos da Metrópole (CEM), Adrian Gurza Lavalle afirma, nesta entrevista,1 que a quantidade e pluralidade de instituições participativas fazem do Brasil um caso único no mundo.

    por: Flavio Lobo
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • POBRES MERCENÁRIOS
    Soldados africanos para guerras norte-americanas

    Assim que se engajaram na “guerra ao terror” e passaram a enviar um número crescente de soldados ao exterior, os EUA depararam com um problema: encontrar combatentes. Como seus cidadãos não se entusiasmaram com a ideia de morrer pela pátria, apelou-se para companhias privadas, que recrutam mão de obra “descartável”

    por: Alain Vicky
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • Claudius
    kx1dd9f2x179l52
    EDITORIAL
    Golpe de classe
    O governo brasileiro está numa situação muito delicada diante do golpe que depôs o presidente paraguaio Fernando Lugo. De um lado existem todos os[...]
    por: Silvio Caccia Bava
    03/07/2012
    Leia Mais →
  • RIO +20
    Os desafios da “razão ambiental”

    A Rio+20 demonstrou os limites de deixar a questão ambiental ao sabor do mercado e a debilidade do consenso aparente sobre o caráter emergencial dos problemas socioambientais. A retórica verde foi banalizada pelo mercado e pelos governos. É necessário elaborar uma crítica da “razão ambientalista” e repolitizar o tema.

    por: Pedro Cláudio Cunca Bocayuva
    03/07/2012
    Leia Mais →
EDIÇÕES ANTERIORES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *