Janeiro 2013

Edição - 66
270232_10151239179162449_13269775_n
  • Claudius
    p8u383pp7qm8m28
    EDITORIAL
    Mais além da corrupção
    Vamos começar pelo começo: a corrupção é inaceitável e deve ser combatida em todas as suas formas; seus atores – passivos e ativos –[...]
    por: Silvio Caccia Bava
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • O DESAFIO DA ACEITAÇÃO
    Avançamos e levamos porrada ao mesmo tempo

    Em entrevista, Klecius Borges, psicólogo especialista em terapia afirmativa para gays, lésbicas, bissexuais e seus familiares, celebra conquistas dos homossexuais, como o aumento da visibilidade e da tolerância, mas destaca que ainda há um longo caminho para que os gays sejam plenamente aceitos na sociedade

    por: Luís Brasilino
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • CIÊNCIA
    Pesquisa pública, publicação privada

    Às pesadas prateleiras das bibliotecas universitárias se somam cada vez mais uma enxurrada de publicações especializadas on-line, que oferecem, sem atraso e normalmente de graça, os últimos resultados dos laboratórios de pesquisa

    por: Richard Monvoisin
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • O DESAFIO DA ACEITAÇÃO
    Telenovela e LGBT: tudo a ver

    Apesar de uma abertura das telenovelas a novas e produtivas representações da homossexualidade, a regra são tramas e conteúdos que recorrem aos estereótipos de homossexuais como forma de reafirmar e reproduzir as normas que sustentam a superioridade dos heterossexuais, bem como seus privilégios

    por: Jean Wyllys
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • CINEMA
    Medianeiras e as janelas contraventoras

    Ao fazer um desenho no vazio, o corte cria as possibilidades. Desde o nascimento do nosso corpo, nosso espaço no mundo é marcado por um olhar que recorta a superfície de carne e lhe dá um formato, traça uma borda, produzindo a imagem na qual a gente se reconhece

    por: Silvia Raimundi Ferreira
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • REESTRUTURAÇÃO URBANA NO RIO DE JANEIRO
    Favelas pacificadas para a nova burguesia brasileira

    Habitação é o assunto do momento no Rio. Na praia, no ônibus, nos jantares, só se ouve falar disso. Há muitos anos a febre especulativa pouco a pouco fez aumentar os preços e, por consequência, a pressão sobre os cariocas que consagram agora uma grande parte de seu orçamento para isso

    por: Jacques Denis
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • CARIBE
    A ajuda externa ao Haiti

    Seja com a participação de novos doadores ou de doadores tradicionais, e independentemente da motivação de política externa de cada um, faz-se necessário que a comunidade internacional tome consciência, de forma definitiva, dos limites da ajuda externa e se engaje de uma vez por todas na reforma de suas práticas

    por: Suhayla Khalil
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • REESTRUTURAÇÃO URBANA NO RIO DE JANEIRO
    UPP: o poder simplesmente mudou de mãos?

    O coronel Robson Rodrigues, da Polícia Militar do Rio, uma das cabeças pensantes do projeto de pacificação, reconhece de bom grado: “Realmente são as Olimpíadas que ditam nossa escolha. Eu diria até que, sem esse evento, a pacificação nunca teria acontecido”

    por: Anne Vigna
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • SUPERPOTÊNCIAS
    Frente antipopular

    A ordem mundial é agora governada por uma nova “pentarquia” informal, que inclui Estados Unidos, União Européia, Rússia, China e Índia

    por: Serge Halimi
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • OCUPAR WALL STREET
    Quando a teoria torna a prática delirante

    O filósofo Slavoj Žižek já havia prevenido os acampados do Zuccotti Park: “Não se apaixonem por vocês mesmos. Passamos um bom momento aqui, mas, lembrem-se, os carnavais não custam caro. O que conta é o dia seguinte, quando precisamos retomar nossa vida normal. E é quando nos perguntamos: alguma coisa mudou?”

    por: Thomas Frank
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • PETRÓLEO E CEREAIS NEGOCIADOS EM GENEBRA
    Commodities, o novo sigilo fiscal dos suíços?

    O escândalo de corrupção implicando um funcionário genebrino da Gunvor em negócios com o Congo suscitou certa comoção na Suíça. Particularmente bem instalado no país, o comércio de matérias-primas se tornará uma nova marca dos suíços como hoje é o sigilo bancário?

    por: Marc Guéniat
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • FRANÇA
    Histórias mal contadas sobre o trabalho das mulheres

    Quando se examinam as estatísticas, as ideas preconcebidas sobre o trabalho das mulheres se desfazem. Ao olharmos para a cartografia das profissões segundo o sexo, constatamos a manutenção dos fiéis bastiões masculinos e femininos

    por: Margaret Maruani
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • MÍDIA E REDES SOCIAIS
    Quando a mulherada grita com a TV e ela escuta

    Diz-se por aí que, com a interferência da internet em outras mídias, estamos na era em que você grita com a TV e ela é obrigada a responder. O poder de transformar cada um em um veículo e unir pessoas que não se encontrariam muda a dinâmica das relações com a mídia e, principalmente, com quem a sustenta: os anunciantes

    por: Madeleine Lacsko
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • REVOLUÇÕES ÁRABES, ANO III
    E amanhã, monarquias?

    Enquanto Tunísia, Egito, Líbia e Iêmen aprofundam em uma caótica transição democrática, iniciada em 2011 com a Primavera Árabe, os combates se intensificam na Síria. Menos noticiadas, as contestações se enraízam nas monarquias, seja na Jordânia, no Marrocos ou nos países do Golfo

    por: Hicham Ben Abdallah El Alaoui
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • CAUSAS DA CRISE ECONÔMICA
    A ficha dos empresários estaria começando a cair?

    Quatro anos após o naufrágio do Lehman Brothers nos EUA, a liturgia dos fechamentos de fábricas, das falências fraudulentas e dos escândalos bancários continua a dar o ritmo da economia. Aliados tradicionais dos acionistas e dos proprietários de empresas, os executivos se questionam. E, às vezes, vacilam em seu posto

    por: Isabelle Pivert
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • MUSEUS
    As múltiplas alegrias do mecenato

    As reduções de impostos não são as únicas vantagens do mecenato francês. Além do acesso privilegiado ao local, o mecenas recebe propostas de contrapartida em comunicação e relações públicas, que podem representar 25% do valor do patrocínio: nome e logotipo nos cartazes, convites e sites; e até menção gravada em mármore

    por: Johan Popelard
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • DA REVOLUÇÃO CULTURAL AO MERCADO
    A China na objetiva dos chineses

    Por muito tempo reduzidos a magnificar as figuras triunfantes do realismo revolucionário, a fotografia chinesa explodiu a partir dos anos 1980. Para expor o descolamento entre a realidade e o discurso dominante, alguns artistas carregam a tinta naqueles que sofrem, outros se colocam na cena que pretendem retratar…

    por: Johan Heilbron
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • NOSSO "PROJETO MAIOR"
    Direitos humanos: um estorvo para as esquerdas?

    Sob a perspectiva da urgente retomada de um projeto de profunda e efetiva transformação social no Brasil, gostaríamos de discutir algumas interpretações e as principais objeções que uma parte das esquerdas brasileiras tem feito às reivindicações baseadas nos direitos humanos

    por: Deisy Ventura
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • IMPRESSORAS 3-D, A ÚLTIMA SOLUÇÃO MÁGICA
    A ilusória emancipação por meio da tecnologia

    Recentemente, máquinas eletrônicas capazes de produzir objetos, tornaram-se acessíveis ao grande público. Elas suscitam paixões no seio de uma vanguarda, que enxerga na nova tecnologia o fermento de uma nova revolução industrial. Porém, essas ferramentas raramente são apresentadas no contexto que as viu nascer

    por: Johan Soderberg
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • Claudius
    p8u383pp7qm8m28
    EDITORIAL
    Mais além da corrupção
    Vamos começar pelo começo: a corrupção é inaceitável e deve ser combatida em todas as suas formas; seus atores – passivos e ativos –[...]
    por: Silvio Caccia Bava
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • DESENVOLVIMENTO
    O que está por trás da redução das tarifas de energia elétrica?

    As mudanças anunciadas pela presidente Dilma para o setor elétrico se inserem no amplo conjunto de medidas que vêm sendo adotadas com o objetivo de estimular a economia nacional. Entretanto, ainda restam dúvidas quanto a seus resultados

    por: Gustavo Teixeira Ferreira da Silva
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • O Velho Graça
    Em matéria de literatura, Graciliano Ramos é uma “questão de ordem”. Explico: nas assembleias estudantis de minha época, essa era uma expressão recorrente quando[...]
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • Redes Sociais no Brasil
    O livro alia questões fundamentais das ciências sociais com estudos empíricos rigorosos ao entender redes sociais como instâncias analíticas de médio alcance que conectam[...]
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • Corrupção e sistema político no Brasil
    Os nove artigos que compõem o livro têm como fio condutor a análise do fenômeno da corrupção à luz do sistema político brasileiro, por[...]
    07/01/2013
    Leia Mais →
  • A escola pública aposta no pensamento
    O livro traz um conjunto de textos produzidos por pesquisadores da UERJ e por professoras da rede municipal de ensino de Duque de Caxias[...]
    07/01/2013
    Leia Mais →
EDIÇÕES ANTERIORES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *