Junho 2009

Edição 23

R$14,90Comprar

Editorial

O neoliberalismo acabou?

Silvio Caccia Bava


Capa / Gastos Públicos

TCU: quem controla o controlador?

O Tribunal de Contas da União tem a responsabilidade de apoiar o Congresso Nacional na fiscalização das ações do Executivo, especialmente seus contratos e seu gasto. Tem a possibilidade inclusive de criar assessorias técnicas em áreas específicas. Pouco de seu trabalho resulta em ressarcimento aos cofres públicosRubens Naves


Capa / Gastos públicos

TCU: entre a decisão técnica e política

A construção de alianças e coalizões partidárias leva os governantes a indicarem para o Tribunal de Contas da União representantes de partidos e de interesses privados. Os resultados são mínimos, apenas 1% das solicitações de devolução de recursos ou multas aplicadas retornam aos cofres públicosJoão da Silva


Saídas para a Crise

A crise e as oportunidades

As elites mundiais começam a desenhar um novo modelo de legitimação política do capitalismo atual: a socialdemocracia global. A estratégia altermundialista é a de pressionar pelo fortalecimento da ONU e lutar pela aprovação de uma nova declaração universal de direitos e por políticas públicas que garantam bem-viverSilvio Caccia Bava


Limites da democracia

Simulações europeias

Quando socialistas, liberais e conservadores confluem para as mesmas posições no Parlamento Europeu, é preciso compreender porque. Talvez a despolitização seja resultante do bloco governante, que não quer romper com a coalizão. As consequências começam com grandes abstenções, mas não se sabe onde terminam…Serge Halimi


Crise de representação

Quando o jogo político asfixia o movimento social

O sistema político,incluindo partidos, não consegue processar as manifestações e demandas que hoje são apresentadas pelos movimentos sociais, isso gera um descompasso entre representantes e representados e leva estes movimentos a recusarem-se a “jogar o jogo”, dando novamente ao cidadão um papel central na políticaAnne-Cécile Robert


Crise política

Fim da globalização, início da Europa?

Violando as regras de livre comércio que havia estabelecido anteriormente, a União Europeia não poupou esforços para que os bancos conseguissem se reestruturar. O fato é que as necessidades da beira do precipício não deixaram aos governos europeus outra escolha senão desrespeitar os dogmas da intervenção estatalFrédéric Lordon


Pesquisa com embriões

Ética e manipulação genética

Os avanços na pesquisa genética estão permitindo identificar a predisposição a doenças e a intervir nos genes responsáveis ainda na fase de gestação. Estas conquistas das ciências tornam possível o que antes era ficção cientifica: a eugenia, ou seja, a seleção genética de acordo com valores e critérios de cada culturaEmilie Guyonnet


Gripe suína

Muito mais que uma pandemia

As novas técnicas de produção e empresas como a multinacional Smithfield Foods, com filiais no México, confinando milhões de porcos em enormes chiqueiros, são consideradas por epidemiologistas uma verdadeira bomba-relógio, facilitando a disseminação e mutação de novos vírus em larga escalaIgnacio Ramonet


Xenofobia e racismo

Uma greve “indefensável”

Aproveitando-se de um conflito entre patrões e empregados, a mídia conservadora manipula a situação e busca deslocar o conflito para uma disputa por empregos entre imigrantes e trabalhadores ingleses. Os sindicatos protestam contra a mídia e as discriminaçõesSeumas Milne