Novembro 2007

Edição 4

R$14,90Comprar

POLÍTICA / EUROPA

A revanche de Flandres

Com altos índices de crescimento econômico, os flamengos não querem mais carregar nas costas os atrasados valões, que os humilharam no passado. E as tensões autonomistas põem em risco a frágil unidade nacional belgaJean-Yves Huwart


DUELOS INTELECTUAIS

O bobo da corte

Trânsfuga da esquerda, Bernard-Henry Lévy tornou-se o agressivo ideólogo de um novo centro, que se aproxima cada vez mais da direita. Ao contrário dos antigos truões, que usavam seu talento para criticar o status quo, BHL só faz atacar as idéias progressistas e adular os poderososSerge Halimi


Opinião

Rio Grande do Sul: crise das finanças públicas

Um estado tradicionalmente equilibrado, com economia diversificada, índices de serviços públicos acima da média nacional e elevado grau de politização: como explicar que seu governo tenha entrado, no último período histórico, em tão acelerada dificuldade financeira?Raul Pont


Brasil / Ontem e hoje

A máquina da desigualdade

Concentração dos meios de produção, orientação do mercado para a exportação e o consumo de luxo, atuação oligopolizadora do Estado, mentalidade senhorial das classes altas: esses quatro fatores estão na raiz dos abismos sociais e regionais. Mas há sinais promissores de mudançasTânia Bacelar


Política / América Latina

Cristina e o Brasil

A diplomacia brasileira alimenta a esperança de selar com o novo governo argentino uma estratégia conjunta para a América Latina. Mas a presidenta eleita não abre mão de se situar com independência entre Brasília e CaracasDario Pignotti


Política / América Latina

A “revolução cidadã” de Rafael Correa

Com 80 das 130 cadeiras na Assembléia Constituinte, o chefe de Estado quer “refundar a República” e pôr em marcha um modelo de desenvolvimento em ruptura com o neoliberalismo. Mas enfrenta oposição cerrada da mídia, comprometida com a oligarquiaHernando Calvo Ospina


Dossiê Oriente Médio

A falsa “pax americana”

Rotulando todo e qualquer conflito da região como um confronto global entre o Bem e o Mal, e apoiando sem reservas a política do governo israelense, os neoconservadores de Washington estabeleceram vínculos, antes inexistentes, entre crises locais e criaram o maior foco de instabilidade do planetaAlain Gresh


HISTÓRIA

A Revolução Russa noventa anos depois

Os apoios exaltados e os ataques furiosos que a experiência soviética suscitou contribuíram para mascarar sua verdadeira realidade. O fracasso desse processo é rico em lições sobre os sistemas, suas transformações, seu envelhecimento e suas crisesMoshe Lewin


Dossiê Oriente Médio

Palestina: trágica divisão

Rotulando todo e qualquer conflito da região como um confronto global entre o Bem e o Mal, e apoiando sem reservas a política do governo israelense, os neoconservadores de Washington estabeleceram vínculos, antes inexistentes, entre crises locais e criaram o maior foco de instabilidade do planetaMarwan Bishara


Dossiê Oriente Médio

Israel: o peso dos generais

Rotulando todo e qualquer conflito da região como um confronto global entre o Bem e o Mal, e apoiando sem reservas a política do governo israelense, os neoconservadores de Washington estabeleceram vínculos, antes inexistentes, entre crises locais e criaram o maior foco de instabilidade do planetaAmnon Kapeliuk