Arquivos golpe - Le Monde Diplomatique

A erosão do Estado de Direito no Brasil

É incontroverso que o Brasil vive, atualmente, a maior crise política da Nova República, período que tem início com a promulgação da Constituição Federal de 1988. Depois de governos que buscaram conciliar estabilidade econômica e justiça social, o mais longo período de normalidade democrática do país não chegou a completar sequer trinta anos. Desde 2016, …

O fracasso da agenda econômica do golpe e o caminho alternativo

O golpe fracassou em construir uma agenda econômica capaz de retomar a trilha do desenvolvimento. Seus ideólogos esperavam que, ao promoverem austeridade fiscal e reformas liberalizantes que reduzem o papel do Estado e enfraquecem os trabalhadores, emitiriam sinais para o mercado, que por sua vez melhorariam as expectativas e promoveriam o crescimento do investimento. Com …

A universidade e o livre pensar

Os velhos filósofos gregos lançaram, há tempos, alguns dos elementos do projeto de autonomia coletiva e individual que deveriam permear as nossas democracias atuais. “Se quisermos ser livres, ninguém pode dizer-nos o que devemos pensar”, resumiu o filósofo grego do nosso tempo Cornelius Castoriadis. Mas qual é o significado de ser livre no Estado democrático …

O golpe de 2016 e o mar agitado da História

O golpe de 2016 atingiu em cheio o “pensamento de esquerda” no Brasil. Tirando as cassandras de plantão – para quem os governos do PT tão somente “aprofundaram o neoliberalismo”, executando políticas compensatórias que em nada afetaram o status quo –, uma parcela expressiva da esquerda aderiu, em maior ou menor medida, à euforia da …

As eleições de 2018 e a não democracia

Os critérios da democracia Usa-se, neste artigo, o conceito de não democracia para definir uma situação política na qual o regime político não é nem uma ditadura nem uma democracia, mas um intermediário híbrido de ambos. Ligeiramente e com base em diversos estudiosos e em consensos relativos sobre o tema, pode-se dizer que uma democracia …

Riscos a administrar

O cenário político brasileiro está cada vez mais conturbado e explosivo. O assassinato de Marielle abre as comportas para a direita mais radical. Embora não seja novidade, outros líderes de movimentos sociais estão sendo assassinados neste mesmo tempo, como é o caso de Paulo Sérgio Nascimento, diretor da Cainquiama (Associação dos Caboclos, Indígenas e Quilombolas …

Eleições em tempos de ditadura

O sistema político brasileiro vivencia duas situações paradoxais: de um lado está o que se entente, em tempos de “normalidade” constitucional, por “política”, isto é, o universo da representação e da articulação políticas, que tem como atores centrais os partidos políticos e suas lógicas, entre as quais as eleitorais; os militantes e a sociedade politicamente …

O golpe de 2016 e seu estudo nas universidades

O clamor irracionalista da nova direita O espernear do momento da “nova direita” brasileira são os cursos sobre o golpe de 2016 que começam a ser ministrados em várias universidades públicas do país, motivadas pelo fato de o Ministro da Educação ter tentado coibir a iniciativa do professor Luiz Felipe Miguel, da UnB, de ofertar …

Poder Judiciário: a ponta de lança da luta de classes

O golpe de 2016 representou um duríssimo revés na percepção até então dominante de que a democracia brasileira, mesmo com todos os seus problemas e aos trancos e barrancos, caminhava para sua “consolidação”. Não foi apenas porque as classes dominantes abandonaram o respeito às regras do jogo e decidiram virar a mesa quando perceberam que, …

De mal a pior

Chega a ser desesperador. O Executivo, o Legislativo e o Judiciário se alinharam com a oligarquia financeira e estão destruindo o Brasil e nossa democracia. No plano econômico estão destruindo os instrumentos para uma política econômica soberana e, em suas próprias palavras, essa verdadeira quadrilha, sem plano algum de governo, declara: “Vamos privatizar tudo que …