Arquivos nacionalismo - Le Monde Diplomatique

O belo Danúbio negro

Cabeças rapadas ou cabelos compridos estilo Conan, o Bárbaro, camisetas com motivos góticos, cartucheiras e grandes anéis de caveiras, tatuagens elaboradas em bíceps musculosos, lata de cerveja na mão… os metaleiros não conhecem fronteiras. Eles estavam maciçamente presentes nessa noite de agosto de 2016, em uma pequena cidade à beira do Lago Balaton, na Hungria, …

Resultado de 25 anos de ultraliberalismo

No escritório do Solidariedade na mina Pokoj (“Paz”), em Ruda Slaska, na Silésia, Adam Kalabis, de 46 anos, com um físico de praticante de luta livre e cabelo rapado, nos oferece chá. Seus enormes punhos ainda estão meio enegrecidos pelo carvão: há meia hora, ele estava trabalhando 800 metros abaixo da terra. “Aqui há 4 …

Na Índia, linchamentos em nome da vaca sagrada

Evocar cenas clássicas de ruminantes com chifres em riste na estrada, bloqueando pachorrentamente motocicletas e carros, não basta, é claro, para explicar o que a vaca representa na Índia. Se quisermos entender sua sacralidade, instituída pelos brâmanes, precisaremos remontar às origens do nacionalismo indiano. A vaca foi um “animal político” sob a dominação mongol – …

Cadeado da ordem social

    Tudo favorece a extrema direita francesa: economia em pane, desemprego cuja curva sobe em vez de descer, medo do empobrecimento e da precariedade, serviços públicos e assistência social ameaçados, um “projeto europeu” tão saboroso quanto uma colher de óleo de rícino, onda migratória que infla o caos de vários Estados árabes, atentados em …

Indignação social, voto à direita

Um espectro assombra a política britânica: o do Ukip (United Kingdom Independence Party, Partido da Independência do Reino Unido). Nas eleições europeias de maio de 2004, o partido, estridente e símbolo de um populismo de direita,1 infligiu uma humilhante derrota às três formações dominantes: não somente aos partidos Conservador e Liberal Democrata, no poder, mas …

O mito da invasão árabe-mulçumana

O outono europeu de 1956, a França e o Reino Unido, aliados de Israel, ocuparam durante alguns dias o Canal de Suez, que acabara de ser nacionalizado pelo presidente egípcio. Porém, sob pressão soviética e norte-americana, as tropas viram-se forçadas a se retirar. Em reação a esse ataque, o presidente egípcio Gamal Abdel Nasser decidiu …

A Catalunha rumo à independência

O público está animado pelo sentimento ao mesmo tempo frenético e contido que se experimenta em um período de incerteza, no qual tudo está em jogo. Nesta antiga adega do bairro de Ciutat Vella, em Barcelona, uma centena de anônimos ouve atentamente Quim Torra, advogado, ensaísta e defensor da soberania catalã. Ele narra o fim …

Guerra de nacionalismos no Mar da China

Há vários meses, as disputas de soberania no Mar da China continuam a se agravar. Em abril de 2012, a guarda costeira das Filipinas ameaçou atirar em navios de pesca chineses nas águas disputadas do recife de Scarborough. Em junho, o Vietnã decidiu abrir vias navegáveis perto das ilhas Spratly e Paracel; a China retaliou …

Música Country: os acordes do novo conservadorismo norte-americano

As articulações republicanas para definir um candidato às eleições de 2012 não conseguiram ocultar o fato de que o presidente atual também está engajado em uma campanha de sedução, destinada sobretudo a convencer aqueles que não votaram nele em 2008. Com essa motivação, no dia 21 de novembro de 2011, o casal Obama organizou um …

Crise mundial e integração latino-americana

(Presidentes latino-americanos em Lima, Peu, durante a posse do colega Ollanta Humala) A incapacidade de os países centrais encontrarem uma saída consistente para a crise não somente elimina dúvidas sobre seu caráter estrutural, mas também abre espaço para a atualização de uma velha lição da economia política latino-americana: sempre e quando o centro do sistema …