Na Argentina, os fundos abutres são postos em xeque

Devemos permitir que um punhado de especuladores tome 40 milhões de argentinos como reféns? A Justiça norte-americana respondeu que “sim”, semeando a desordem mesmo entre investidores. Ao fragilizar os mecanismos que permitem aos Estados aliviar o peso da dívida, essa decisão ameaça desequilibrar o sistema financeiroMarc Weisbrot