Em São Paulo, áreas mais pobres e com mais mortes por covid recebem menos vacinas

Estudos do LabCidade e do Instituto Pólis mostram a desigualdade ignorada no combate e na imunização da população do município. Áreas mais nobres tem maior percentual de pessoas vacinadas