Pandemia: um grande negócio para empresas transnacionais - Le Monde Diplomatique

Pandemia: um grande negócio para empresas transnacionais

14 de setembro de 2020
compartilhar
visualização
Segundo vídeo produzido pela Internacional de Serviços Públicos em parceria com o Le Monde Diplomatique Brasil sobre o tema

Vendo seus lucros ameaçados pela atual pandemia, empresas transnacionais planejam processar países por políticas públicas emergenciais de combate a crise. A estratégia que se desenha nos escritórios de advocacia que defendem as empresas transnacionais pretende usar cláusulas presentes em tratados de livre comércio para abrir ações contra os governos locais e reivindicar indenizações financeiras pela interferência em seus lucros projetados (ou negócios).

Esse vídeo, produzido pela Internacional de Serviços Públicos em parceria com o Le Monde Diplomatique Brasil, explica a história do uso desse mecanismo, que se intensificou nas últimas décadas e se tornou um dos principais artifícios jurídicos para potencializar os ganhos das grandes empresas em detrimento da população em momentos de crise.

Acesse o estudo completo em http://bit.ly/TransnacionaisIPS

Gosta dos nossos vídeos? Inscreva-se em nosso canal.



Artigos Relacionados

Chacina de Jacarezinho

Bala, fome, vírus e rivotril na cidade do purgatório, da beleza e do caos

por Rachel Gouveia Passos
GUILHOTINA

Guilhotina #115 — Julita Lemgruber

Apagão estatístico

A extinção do censo demográfico e a negação do Estado Social

Online | Brasil
por Fábio Prudente Netto e Gabriel Mattos da Silva
Repressão

Violência estrutural e construção da ordem social na Colômbia

Online | Colômbia
por João Estevam dos Santos Filho
Mídia e Justiça

Acabou o BBB, agora temos a CPI

Online | Brasil
por Grazielle Albuquerque

Novo apagão na Ciência brasileira no pior momento da pandemia

Online | Brasil
por Angelina Moreno
Direito à Educação

Meninas negras têm menos acesso ao ensino remoto, diz estudo

por Campanha Nacional pelo Direito à Educação
Luto

Em tempos de ódio e negacionismo rir é um ato de resistência

Online | Brasil
por Rachel Gouveia Passos