Diplô oferece assinatura para jovens que tirarem o título de eleitor

Fortalecimento da democracia

Le Monde Diplomatique Brasil oferece assinatura para jovens que tirarem o título de eleitor

por Redação
30 de março de 2022
compartilhar
visualização

Publicação lança campanha para estimular jovens de 16 e 17 anos a tirarem o título de eleitor e votar nas próximas eleições. Pessoas nessa faixa etária que comprovarem que fizeram o cadastro eleitoral irão receber uma assinatura digital do jornal válida de abril a outubro de 2022

Com objetivo de estimular a participação de jovens nas próximas eleições, o Le Monde Diplomatique Brasil lança campanha que irá dar uma assinatura digital do jornal de abril a outubro deste ano para jovens entre 16 e 17 anos que comprovarem terem tirado o título de eleitor. O público alvo da campanha tem até o dia 7 de abril para comprovar que possui o documento e receber a assinatura.  “O futuro pessoal dos jovens depende do futuro do Brasil. E o futuro do Brasil depende das próximas eleições. Jovem, cuide do seu futuro, vote em 2022”, opina Silvio Caccia Bava, diretor do Le Monde Diplomatique Brasil.

Arte Claudius

A iniciativa surge em meio aos dados preocupantes divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que em fevereiro registrou o menor número de adolescentes de 16 e 17 anos com título de eleitor da história. De acordo com o TSE, até fevereiro, 830 mil jovens tiraram o documento. Quatro anos atrás, no mesmo período, esse número era de 1,4 milhão. Atualmente, o contingente de adolescentes de 16 e 17 anos não chega a 1% do total de eleitores brasileiros. O universo de pessoas nessa faixa etária no Brasil é de 6 milhões, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), e o número de jovens com título de eleitor em 2022, até fevereiro, representa cerca de 13,6% do total de habilitados para obter o documento. Em fevereiro de 2018, o percentual era de 23,3%.

Arte Claudius

Para participar da campanha e ganhar uma assinatura digital de abril a outubro de 2022, basta enviar uma cópia do título de eleitor e do RG para vote@diplomatique.org.br, com os seguintes dados: nome completo, CPF, e-mail, endereço completo (com CEP) e telefone. O prazo para envio dos dados é 07 de abril.

Arte Claudius

Como tirar seu título e participar da campanha

O prazo para os novos eleitores realizarem o cadastro eleitoral é 4 de maio. O cadastro deve ser feito pelo site do TSE. Basta acessar  https://www.tse.jus.br/ e enviar cópia do documento de identidade e comprovante de residência. Confira um passo a passo abaixo:

 

Acesse o site do TSE e clique na aba “Eleitor e eleições”

No canto inferior esquerdo da página, clique em “Tire seu título – título net”

No tópico “Faça seu requerimento”, clique em “Iniciar seu atendimento a distância”

Você será direcionado para a página de autoatendimento do eleitor, onde deve selecionar a Unidade da Federação (seu estado) para ser atendido e clicar em “próximo”

No campo “Título de eleitor”, selecione a opção “NÃO TENHO” e preencha com o restante dos seus dados. Você será encaminhado para outra página para terminar o cadastro.

 



Artigos Relacionados

RELAÇÕES EXTERIORES

Lula em Washington: entre compromisso político e autonomia

Online | Brasil
por Luciana Wietchikoski e Lívia Peres Milani
UM MÊS DE GOVERNO LULA PELOS EDITORIAIS DO ESTADÃO

Terrorismo, genocídio e uma escolha muito difícil

Online | Brasil
por Marcelo Semer
SER AMADO OU SER TEMIDO?

Lula à luz do “Príncipe” de Maquiavel

Online | Brasil
por Railson da Silva Barboza
A SOMBRA DO EXTREMISMO

Encarar o abismo

Online | Brasil
por Marcos Woortmann, Alexandre Araújo e Guilherme Labarrere
REACIONARISMO

Contra Olavo

Online | Brasil
por Felipe Luiz
MERCADO

O governo Lula e a “política” do mercado financeiro

Online | Brasil
por Pedro Lange Netto Machado
NEGLIGÊNCIA

Os Yanomami são um paradigma ético mundial

Online | Brasil
por Jelson Oliveira
APAGÃO JORNALÍSTICO

O escândalo da Americanas: bom jornalismo é ruim para os negócios

Online | Brasil
por Luís Humberto Carrijo