A frente neocolonial - Le Monde Diplomatique Brasil

PERSPECTIVAS DO BOLSONARISMO

A frente neocolonial

por Guilherme Santos Mello
1 de fevereiro de 2021
compartilhar
visualização

O bolsonarismo se apoia na burguesia comercial improdutiva, na burguesia industrial dependente e importadora, no setor extrativo atrasado e ilegal, no agronegócio desregulado e em uma infinidade de “pequenos empreendedores”, uberizados e precarizados. O setor financeiro foi conquistado a posteriori, no segundo turno da eleição presidencial, com o aval do ultraliberalismo de Paulo Guedes

O bolsonarismo é um fenômeno de múltiplas dimensões. Alguns autores procuram na teoria política semelhanças com outros fenômenos políticos, como o bonapartismo (Ricupero, 2019). Outros preferem buscar na psicanálise ou na psicologia de massas algumas referências para pensar o papel de Bolsonaro na política nacional (Souza, 2018). O que parece claro, no entanto, é que …

Conteúdo apenas para Assinantes



Artigos Relacionados

Pandemics, housing crisis and the value of community-led housing initiatives in the global south

por Thaisa Comelli, Tucker Landesman and Alexandre Apsan Frediani
Pandemia e crise habitacional no sul global

A importância das experiências de moradias de iniciativa comunitária

por Thaisa Comelli, Tucker Landesman e Alexandre Apsan Frediani
UM FRACASSO EXITOSO

Massacre no Jacarezinho: necropolítica aplicada

Online | Brasil
por Thiago Rodrigues
CHACINA DE JACAREZINHO

Luto seletivo, estratégia de invisibilização

Online | Brasil
por Bruna Martins Costa e William Zeytounlian
CHACINA NO JACAREZINHO

Para o Estado, as vidas de negros, pobres e favelados não importam?

Online | Brasil
por Wallace de Moraes
SETOR ELÉTRICO

Cemig: a irracionalidade da proposta de privatização

Online | Brasil
por Diogo Santos
Editorial

Por que defendemos o impeachment de Bolsonaro

Online | Brasil
por Redação
Guilhotina

Guilhotina Especial Todo Mundo É Artista – 100 Anos de Joseph Beuys

Séries Especiais | Alemanha