A unidade em torno da política neoliberal e regressiva de Paulo Guedes

A BURGUESIA BRASILEIRA, DE LULA A BOLSONARO

A unidade em torno da política social neoliberal e regressiva de Paulo Guedes

por Armando Boito Jr.
1 de fevereiro de 2021
compartilhar
visualização

A unidade prevalece na relação da classe dominante com o governo Bolsonaro, mas não exclui conflitos secundários e de curto alcance. Estes são de dois tipos: conflitos entre as diferentes frações burguesas diante da política econômica e conflitos de uma ou mais dessas frações com o movimento bolsonarista que não é burguês. Esse segundo tipo de conflito se dá, principalmente, nas áreas de política externa, política democrática e política de costumes

É uma tarefa complexa analisar o comportamento político da classe dominante no governo Bolsonaro. Temos de encontrar os conceitos com os quais devemos proceder essa análise, verificar a forma adequada de mobilizá-los e buscar informações empíricas confiáveis e suficientes. Em primeiro lugar, é preciso saber se devemos falar em classe ou em classes dominantes. Dado …

Conteúdo apenas para Assinantes



Artigos Relacionados

Guilhotina

Guilhotina #171 - André Flores Penha Valle e Pedro Felipe Narciso

Reforma urbana e direito à cidade

Propostas para a construção de uma agenda para a habitação social

por Vários autores
AMBIENTALISTAS E DEFENSORES DE DIREITOS HUMANOS

A face do desaparecimento político na democracia

Online | Brasil
por Simone Rodrigues Pinto e Teresa L. C. Soares
ANÁLISE JURÍDICA

A PEC do "equilíbrio entre os poderes" e a decadência da democracia

por Vinicius Marinho Minhoto

O Estado, as caravelas e a re-existência Kaiowá e Guarani

Online | Brasil
por Kuna Aranduhá Kaiowá [Jaqueline Gonçalves Porto] e Danielle Tega
PAULA REGO (1935-2022)

B. a vomitar a pátria

Online | Brasil
por Gilberto Carvalho de Oliveira
Meio Ambiente

2022 e o jubileu das grandes conferências ambientais

Online | Brasil
por Leandro Dias de Oliveira
Resenha

Delivery Fight! A luta contra os patrões sem rosto

por João Lorandi Demarchi