Na Bélgica, um improvável banco ético - Le Monde Diplomatique Brasil

COOPERADOS EM BUSCA DE UM NOVO MODELO

Na Bélgica, um improvável banco ético

Edição 165 | Bélgica
por Sylvain Anciaux e Sébastien Gillard
1 de abril de 2021
compartilhar
visualização

Indignados com o comportamento das instituições bancárias às vésperas da crise de 2008, organizações belgas iniciaram a introdução de uma dose de ética no setor. Elas criaram uma estrutura sem fins lucrativos e constataram que a virtude nem sempre tem o resultado esperado e que a moral, sozinha, tem dificuldade para reformar as finanças

“Mudemos o banco para melhor”: em 21 de novembro de 2020, essa mensagem apareceu em letras garrafais nas telas dos cooperados conectados à assembleia geral do NewB, o novo banco belga “cooperativo”, “ético” e “sustentável”. Sobre um palco erguido para a ocasião, o atual presidente da instituição, Bernard Bayot, fez as vezes de mestre de …

Conteúdo apenas para Assinantes



Artigos Relacionados

UM FRACASSO EXITOSO

Massacre no Jacarezinho: necropolítica aplicada

Online | Brasil
por Thiago Rodrigues
CHACINA DE JACAREZINHO

Luto seletivo, estratégia de invisibilização

Online | Brasil
por Bruna Martins Costa e William Zeytounlian
CHACINA NO JACAREZINHO

Para o Estado, as vidas de negros, pobres e favelados não importam?

Online | Brasil
por Wallace de Moraes
SETOR ELÉTRICO

Cemig: a irracionalidade da proposta de privatização

Online | Brasil
por Diogo Santos
Editorial

Por que defendemos o impeachment de Bolsonaro

Online | Brasil
por Redação
Guilhotina

Guilhotina Especial Todo Mundo É Artista – 100 Anos de Joseph Beuys

Séries Especiais | Alemanha

Ensaio sobre a pandemia

Online | Brasil
por Vinícius Mendes
Mídia e pandemia: a democracia sob ataque

Comunicação popular e comunitária salvam vidas durante a pandemia

por Tâmara Terso e Paulo Victor Melo