Pequenas poupanças arruinadas na Ucrânia - Le Monde Diplomatique

UMA REFORMA BANCÁRIA DEVASTADORA

Pequenas poupanças arruinadas na Ucrânia

Edição 163 | Ucrânia
por Laura Diab e Guillaume Ptak
1 de fevereiro de 2021
compartilhar
visualização

Desde 2014, a Ucrânia expurgou de seu sistema bancário mais de uma centena de estabelecimentos. Essa guerra econômica, que passou despercebida em razão dos enfrentamentos armados em Donbass, foi feita em nome da luta contra a corrupção. Mas ela arruinou milhares de pessoas que tinham pequenas economias e apenas embaralhou as cartas dentro da oligarquia –sem fazê-la vacilar

“Onde foi parar nosso dinheiro? Onde?” O desespero na voz de Maria Klimenkova, de 65 anos, é palpável. Essa contadora aposentada faz parte dos 160 mil cidadãos ucranianos, em sua maioria de classe média alta, cujas economias se volatilizaram durante a limpeza do sistema bancário feita entre 2014 e 2017 pelo Banco Nacional da Ucrânia …

Conteúdo apenas para Assinantes



Artigos Relacionados

Economia

Trajetória da austeridade fiscal no Brasil: a institucionalização do neoliberalismo

Online | Brasil
por Alessandra Soares Freixo e Rafael Costa

Pandemics, housing crisis and the value of community-led housing initiatives in the global south

por Thaisa Comelli, Tucker Landesman and Alexandre Apsan Frediani
Pandemia e crise habitacional no sul global

A importância das experiências de moradias de iniciativa comunitária

por Thaisa Comelli, Tucker Landesman e Alexandre Apsan Frediani
UM FRACASSO EXITOSO

Massacre no Jacarezinho: necropolítica aplicada

Online | Brasil
por Thiago Rodrigues
CHACINA DE JACAREZINHO

Luto seletivo, estratégia de invisibilização

Online | Brasil
por Bruna Martins Costa e William Zeytounlian
CHACINA NO JACAREZINHO

Para o Estado, as vidas de negros, pobres e favelados não importam?

Online | Brasil
por Wallace de Moraes
SETOR ELÉTRICO

Cemig: a irracionalidade da proposta de privatização

Online | Brasil
por Diogo Santos
Editorial

Por que defendemos o impeachment de Bolsonaro

Online | Brasil
por Redação