Povos ribeirinhos e indígenas se unem para resistir ao neoliberalismo - Le Monde Diplomatique

Povos ribeirinhos e indígenas se unem para resistir ao neoliberalismo

31 de julho de 2022
compartilhar
visualização

&;

O Le Monde Diplomatique Brasil debate desta semana traz o tema da resistência ao neoliberalismo a partir da experiência de povos indígenas e ribeirinhos. Estamos acompanhando uma série de tragédias, violação de direitos dos povos indígenas e da população ribeirinha e assassinatos. Vamos falar como a população tem se organizado para se defender desses ataques.

Para esta conversa falamos Nilde Souza, do Fórum de Mulheres da Amazônia Paraense, e Luis Arnaldo Campos, diretor de cinema e TV.

A apresentação é de Silvio Caccia Bava, editor-chefe do Le Monde Diplomatique Brasil.



Artigos Relacionados

Direito à cidade

As perspectivas para o Brasil pós 2 de outubro

por Nelson Rojas de Carvalho
Eleições 2022: a mídia como palanque

Internet abre espaço para a diversidade de perfis, mas impulsiona velhas práticas

Online | Brasil
por Tâmara Terso
A CRISE DA CULTURA

Lei Aldir Blanc: reflexões sobre as contradições

por Rodrigo Juste Duarte, com colaboração de pesquisadores da rede do Observatório da Cultura do Brasil
AMÉRICA DO SUL

A “nova onda rosa”: um recomeço mais desafiador

Online | América Latina
por Cairo Junqueira e Lívia Milani
CORRUPÇÃO BOLSONARISTA

Onde está o governo sem corrupção de Bolsonaro?

Online | Brasil
por Samantha Prado
CONGRESSO NACIONAL

Financiamento de campanhas por infratores ambientais na Amazônia Legal

Online | Brasil
por Adriana Erthal Abdenur e Renata Albuquerque Ribeiro
EDITORIAL

Só existe um futuro para o Brasil, e ele passa pela eleição de Lula neste domingo

Online | Brasil
por Le Monde Diplomatique Brasil
UMA ENCRUZILHADA SE APROXIMA

Os militares e a última palavra da legitimidade das urnas

Online | Brasil
por Julia Almeida Vasconcelos da Silva