2ª Temp. #04 – Olhares de mulheres negras, com Kelly Fernandes, Jô Pereira e Mayra Ribeiro - Le Monde Diplomatique

Cidade livre

2ª Temp. #04 – Olhares de mulheres negras, com Kelly Fernandes, Jô Pereira e Mayra Ribeiro

14 de junho de 2021
compartilhar
visualização

Bianca Pyl e Luís Brasilino recebem as ativistas Jô Pereira, Kelly Fernandes e Mayra Ribeiro neste quarto episódio da segunda temporada da série Cidade livre. Ouça em seu tocador favorito ou nessa postagem

Bianca Pyl e Luís Brasilino recebem as ativistas Jô Pereira, Kelly Fernandes e Mayra Ribeiro neste quarto episódio da segunda temporada da série Cidade livre. Elas compartilham seus olhares enquanto mulheres negras e militantes sobre a mobilidade em São Paulo e falam sobre as expressões da opressão de gênero, raça e classe no transporte, a segregação velada que impera nas grandes cidades do país, a relação com o Estado e seus agentes, a desumanização do corpo negro e feminino, a expansão dos ônibus e as estratégias, lutas e conquistas num quadro de resistências.

Jô é graduada em Educação Física, especialista em arte integrativa, criadora e intérprete em dança contemporânea, arte-educadora, treinadora física e desenvolvedora de projetos socioculturais em arte inclusiva e mobilidade ativa de bicicleta. Ela é diretora fundadora do Pedal na Quebrada, idealizadora do Mapa Pedal Afetivo e do Mapa Afetivo da Mobilidade Ativa, atual diretora geral da Ciclocidade, Bicycle Mayor SP e integrante da Rede Mobilidade Periferia-Unifesp Zona Leste de São Paulo.

Kelly é arquiteta, urbanista e especialista em Economia Urbana e Gestão Pública e dedica-se a construir narrativas para evidenciar os efeitos das facilidades e dificuldades da mobilidade no desenvolvimento urbano e na distribuição das atividades e dos grupos sociais no território.

Mayra é diretora executiva da organização social Amalgamar, psicóloga e ativista da Uneafro Brasil.

Ouça em seu player de preferência ou dê o play:

Trilha: Emicida, “Sementes”. Ilustração: Juliana Del Lama. Foto: Matheus Alves.

Esta publicação foi realizada com o apoio da Fundação Rosa Luxemburgo e fundos do Ministério Federal para a Cooperação Econômica e de Desenvolvimento da Alemanha (BMZ). O conteúdo da publicação é responsabilidade exclusiva do Le Monde Diplomatique Brasil e não representa necessariamente a posição da FRL.



Artigos Relacionados

ORÇAMENTO SECRETO

A melhor forma de combate à corrupção não é o discurso

Online | Brasil
por Luís Frederico Balsalobre Pinto
DEMOCRACIA MILITANTE

A democracia do erro: Loewenstein e o Brasil de 2022

Online | Brasil
por Gabriel Mattos da Silva
COPA: FUTEBOL E POLÍTICA

Qual é a função dos bandeirinhas após o surgimento do VAR?

por Helcio Herbert Neto
EDUCAÇÃO

Um ensaio timidamente indecente sobre pânico civilizacional e educação

Online | Brasil
por Fernando de Sá Moreira
ECONOMIA E SAÚDE

O SUS e o relatório do TCU

Online | Brasil
por Vários autores
QUE A CLOROQUINA NÃO SE REPITA

Como conter a pulsão de morte bolsonarista

Online | Brasil
por João Lorandi Demarchi
RESPEITEM OS LOUCOS

A patologização do fascismo

Online | Brasil
por Roger Flores Ceccon
NOVO MINISTÉRIO, A CONCRETIZAÇÃO DE UM VERDADEIRO MARCO

Os povos indígenas e seu protagonismo na transição de governo

Online | Brasil
por Aline Ngrenhtabare Kaxiriana Lopes Kayapó, Edson Kayapó e Flávio de Leão Bastos Pereira