A era dos autoproclamados justiceiros - Le Monde Diplomatique Brasil

COM O CRESCIMENTO DAS REDES SOCIAIS, UM FENÔMENO MUNDIAL

A era dos autoproclamados justiceiros

por Gilles Favarel-Garrigues e Laurent Gayer
3 de novembro de 2021
compartilhar
visualização

Milícias vigiam as fronteiras, grupos organizados perseguem comportamentos “imorais”, patrulheiros solitários substituem forças políticas “sobrecarregadas” ou “frágeis demais”: em todo o mundo, pessoas tomam a justiça nas próprias mãos em nome de uma concepção em geral reacionária da lei, uma prática estimulada e amplificada pelas redes sociais

“Ao ataque!” Na noite de uma sexta-feira de julho de 2021, Mikhail Lazutin deu o sinal de largada. Ele atravessou o portal da Praça Kalinin, onde uma centena de cidadãos de visual rebelde se divertia, barulhentos e embriagados. Acompanhado por cinco imponentes colegas e duas câmeras, o líder da Lev Protiv (Leão Contra), um moscovita …

Conteúdo apenas para Assinantes



Artigos Relacionados

Eleições 2022: a mídia como palanque

Internet abre espaço para a diversidade de perfis, mas impulsiona velhas práticas

Online | Brasil
por Tâmara Terso
A CRISE DA CULTURA

Lei Aldir Blanc: reflexões sobre as contradições

por Rodrigo Juste Duarte, com colaboração de pesquisadores da rede do Observatório da Cultura do Brasil
AMÉRICA DO SUL

A “nova onda rosa”: um recomeço mais desafiador

Online | América Latina
por Cairo Junqueira e Lívia Milani
CORRUPÇÃO BOLSONARISTA

Onde está o governo sem corrupção de Bolsonaro?

Online | Brasil
por Samantha Prado
CONGRESSO NACIONAL

Financiamento de campanhas por infratores ambientais na Amazônia Legal

Online | Brasil
por Adriana Erthal Abdenur e Renata Albuquerque Ribeiro
EDITORIAL

Só existe um futuro para o Brasil, e ele passa pela eleição de Lula neste domingo

Online | Brasil
por Le Monde Diplomatique Brasil
UMA ENCRUZILHADA SE APROXIMA

Os militares e a última palavra da legitimidade das urnas

Online | Brasil
por Julia Almeida Vasconcelos da Silva
ELEIÇÕES 2022

Voto útil: o chamado ao primeiro turno em 2022

Online | Brasil
por Luísa Leite e Alexsandra Cavalcanti