Miscelânea – Resenhas

TODOS OS CONTOS Julio Cortázar, Cia. das Letras Na “falta de nome melhor”, Julio Cortázar considerava como pertencentes “ao gênero chamado fantástico” quase todos seus contos. A ligeira imprecisão do conceito quando aplicado a essa vertente de sua obra se justifica na medida em que, como aponta o crítico argentino Jaime Alazraki, ao contrário do …

por em

Geração mangá

  Já se suspeitava que talvez nem todos os jovens fossem correr atrás dos livros de literatura clássica, mas ninguém pensou que a corrida em direção aos mangás ganharia essa amplitude. O “vale-cultura”, um cheque de 300 euros oferecido pelo Ministério da Cultura a todos os jovens de 18 anos, tornou-se um “vale-mangá”, aumentando ainda …

por em

E se Assange se chamasse Navalny?

Em março de 2017, Julian Assange completou seu quinto ano de reclusão na embaixada do Equador em Londres. Os dirigentes da CIA queriam a todo custo apanhá-lo e até mesmo matá-lo: o WikiLeaks, do qual é cofundador, acabava de revelar os meios utilizados pela agência para espionar equipamentos eletrônicos. A fuga parecia iminente. Os chefões …

por em

Quando o Estado paga para desaparecer

“Bem-vindo ao VFS Global, parceiro oficial das autoridades francesas na Argélia”, proclama o site de um prestador de serviços encarregado pelas autoridades francesas de fazer a triagem dos dossiês de vistos para a França.1 Há dez anos, Paris confia a ele o tratamento das demandas que lhe são dirigidas por alguns países do mundo, como …

por em

Um elevador sempre em manutenção

Raras são as fórmulas que resistem ao tempo. Forjadas durante a campanha presidencial de 1995 pelo dirigente liberal Alain Madelin, a “pane do elevador social” atravessou sem problema as últimas décadas. “O elevador social funciona pior hoje do que há cinquenta anos”, declarou o presidente da República francês, Emmanuel Macron, em viagem a Nantes para …

por em

Pequim usa as finanças para atacar Washington

Em seu discurso de abertura no Fórum Boao, o equivalente chinês do Fórum Econômico Mundial de Davos, o presidente da China, Xi Jinping, convocou, em abril, uma nova ordem internacional. Referindo-se aos Estados Unidos, rejeitou qualquer ideia de “guerra fria” e de “hegemonia”, antes de declarar: “Devemos promover a liberalização e a facilitação do comércio …

por em

Guiné Equatorial, uma ditadura esquecida

Em 28 de maio de 2021, em Barcelona, a Biblioteca Ignasi Iglésias-Can Fabra patrocinou a projeção do documentário El escritor de un país sin librerías [O escritor de um país sem livrarias], obra do espanhol Marc Serena. O evento integrou um ciclo de conferências dedicadas a ex-colônias espanholas da África: o Saara Ocidental e a …

por em

Em Nova York, patrulhas comunitárias protegem Chinatown

Com memória fotográfica, Wellington Chen descreve a tentativa de homicídio da qual foi testemunha na esquina das ruas Worth e Baxter, na noite de 25 de fevereiro de 2020, por volta das 6h30 da tarde. Saindo de seu escritório em Chinatown, o norte-americano de origem taiwanesa viu um homem correr em sua direção e enfiar …

por em

Menos tropas, mais drones

Contrariando os que defendiam a permanência de tropas norte-americanas no Afeganistão, Joe Biden arregimentou contra si uma ampla frente que vai dos belicosos tradicionais, ávidos por afirmar a supremacia dos Estados Unidos, aos “intervencionistas liberais”, que se dizem preocupados com a sorte das mulheres afegãs. Todavia, Biden não é nenhum pombo da paz, como se …

por em

Na Nicarágua, uma eleição sem oposição

No dia 7 de novembro, os nicaraguenses vão às urnas para uma eleição presidencial que, poucos duvidam, vai manter Daniel Ortega no poder. Mais uma vitória da esquerda latino-americana? Sem dúvida, para os que veem o líder sandinista como um revolucionário anti-imperialista. Não contente em se levantar contra Washington, Ortega mostra uma “preferência pelos pobres”, …

por em

A era dos autoproclamados justiceiros

“Ao ataque!” Na noite de uma sexta-feira de julho de 2021, Mikhail Lazutin deu o sinal de largada. Ele atravessou o portal da Praça Kalinin, onde uma centena de cidadãos de visual rebelde se divertia, barulhentos e embriagados. Acompanhado por cinco imponentes colegas e duas câmeras, o líder da Lev Protiv (Leão Contra), um moscovita …

por em

Clima, uma conferência em busca do tempo perdido

Glasgow acolhe, de 31 de outubro a 12 de novembro de 2021, a 26ª Conferência das Partes (COP 26) da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (CQNUMC). Subscrita em 1992 durante a Conferência da Terra no Rio de Janeiro, essa convenção convoca todos os Estados a impedir “qualquer perturbação antrópica perigosa para o sistema …

por em

A Amazônia, apesar do Brasil

Nunca a Amazônia foi tão saqueada e devastada. Ao mesmo tempo, nunca houve tanta gente clamando por sua proteção. Parece haver um descompasso entre as palavras e as coisas, pois essa vontade de proteção esconde uma operação colonial com base na qual a Amazônia sempre foi pensada. Tal operação se explica pela palavra “proteger”, do …

por em

O setor florestal madeireiro na Amazônia e em Mato Grosso

A madeira de florestas naturais da Amazônia brasileira segue como um recurso natural importante que pode contribuir para a manutenção da floresta em pé. Sua extração, quando realizada dentro das premissas técnicas e legais, por meio do manejo florestal, pode aliar desenvolvimento socioeconômico e conservação. Um estudo realizado pela FGVces em 2015 estimou que, caso …

por em

Empresas do ouro enriquecem, indígenas padecem

Em 12 de outubro, duas crianças indígenas que brincavam em um rio morreram afogadas porque nas cercanias operava – ilegalmente – uma draga de garimpo. O corpo de uma delas, levado pela correnteza, só foi encontrado dois dias depois. Cinco meses antes, outras duas crianças morreram da mesma forma após um ataque de garimpeiros em …

por em

O passo a passo da destruição da Amazônia

Entrávamos no segundo semestre de 2018, na efervescência da campanha eleitoral, quando rotineiros ataques às políticas ambientais passaram a ser proferidos pelo então candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro. No mesmo período, o desmatamento na Amazônia Legal subiu 13% em relação ao ano anterior (Inpe). O aumento foi maior em Terras Indígenas (TIs, 21%) …

por em

Austeridade às favas!

As políticas de austeridade, como são chamados os cortes nas políticas sociais e nos direitos dos trabalhadores, foram propostas por Delfim Netto, ex-ministro da Economia da ditadura, em 2015, sob o argumento de que os gastos sociais não cabiam no orçamento público.1 Ele é uma referência entre os economistas conservadores brasileiros e expressa o pensamento …

por em

Enfim, a Grécia volta a ser exemplar

Atenas acaba de oferecer um Natal antecipado às suas Forças Armadas: 24 aviões de combate Rafale e três fragatas “da última moda”, enquanto aguarda os F-35 e os helicópteros Sikorsky, sem esquecer os drones, torpedos e mísseis. Os oficiais gregos não estarão sozinhos na festa, pois fabricantes de armamentos franceses, a Dassault em particular, estão …

por em