Debate sobre moradia de iniciativa comunitária no sul global

Webnário

Debate sobre moradia de iniciativa comunitária no sul global

por Redação
7 de junho de 2021
compartilhar
visualização

Webnário “Moradia de iniciativa comunitária: um caminho para futuros urbanos mais justos e e solidários” acontece no dia 24 de junho, às 10 horas (horário de Brasília)

O desemprego e a diminuição da renda em função da pandemia têm aumentado a insegurança habitacional, e o medo de despejos forçados e execuções hipotecárias faz parte da vida cotidiana em diversas cidades ao redor do mundo. Com base em uma série de diálogos com redes e instituições da sociedade civil do Sul global, o evento discutirá o papel de práticas lideradas pelas próprias comunidades na resolução da crise habitacional, e as condições institucionais necessárias para viabilizar e apoiar experiências de moradia de iniciativa comunitária.

Haverá interpretação em português neste evento.  Clique aqui e faça sua inscrição gratuita. Dia 24/06, às 10 horas
Voluntários na construção de moradias em São Paulo
Voluntários da Associação por Habitação com Dignidade em um projeto com apoio da União Nacional por Moradia Popular (UNMP) e da União dos Movimentos de Moradia de São Paulo (UNM). (Crédito: UMM)

Para atenuar o choque gerado pela pandemia, coletivos e redes da sociedade civil do mundo todo estão oferecendo apoio a grupos em situação de precariedade habitacional por meio de iniciativas de moradia de iniciativa comunitária. Ao criar redes que co-produzem e compartilham conhecimentos valiosos capazes de atravessar as fronteiras geográficas, esses grupos frequentemente produzem respostas mais eficazes para emergências habitacionais, construindo caminhos inclusivos e resilientes para o desenvolvimento urbano.

Neste evento da série IIED Debates, realizado em parceria com o Le Monde Diplomatique Brasil e a Escola da Cidadania do Instituto Pólis, conheceremos experiências e reflexões de seis redes e instituições da sociedade civil: Centro de Pesquisa Urbana de Serra Leoa (SLURC), Federação dos Pobres Urbanos e Rurais de Serra Leoa (FEDURP-SL), Coalizão Asiática para o Direito à Habitação (ACHR), Instituto Pólis, União dos Movimentos de Moradia (Brasil) e UrbaMonde. Os convidados compartilharão desafios que emergem de suas experiências em promover moradias de iniciativa comunitária.

Discutiremos como essas práticas apontam para caminhos possíveis que levem a um futuro urbano mais justo e solidário e como a crise habitacional intensificada pela Covid-19 lançou luz sobre esses caminhos. Os palestrantes apontarão, ainda, de que forma governos e instituições poderiam apoiar de forma mais efetiva experiências de moradia de iniciativa comunitária.

A discussão terá como base uma série de diálogos liderados pelos pesquisadores do IIED e um artigo recentemente publicado no Le Monde Diplomatique Brasil como parte da série ‘Cidades do Amanhã’.

Clique aqui e leia o artigo em português e english

 

Sobre os convidados
Bianca Pyl (moderadora) é editora web do Le Monde Diplomatique Brasil
Rodrigo Iacovini é coordenador da escola de cidadania do Instituto Pólis
Joseph M. Macarthy é o Diretor Executivo do Centro de Pesquisa Urbana de Serra Leoa (SLURC) em Freetown
Supreeya Wungpatcharapon é professora assistente da Faculdade de Arquitetura da Universidade Kasetsart
Evaniza Lopes Rodrigues é coordenadora da União dos Movimentos de Moradia (Sindicato dos Movimentos por Moradia
Bea Varnai é gerente de projetos da urbaMonde
Alexandre Apsan Frediani é o pesquisador principal do grupo de pesquisa Assentamentos Humanos do IIED.



Artigos Relacionados

GUILHOTINA

Cidade livre, 2ª Temp. #04 – Olhares de mulheres negras, com Kelly Fernandes, Jô Pereira e Mayra Ribeiro

Inquietação social e conservadorismo popular

Ensaio breve acerca dos sentidos do bolsonarismo

Online | Brasil
por Luiz Felipe F. C. de Farias
Guilhotina

Guilhotina #120 - Iuri Tonelo

5 anos

Massacre de Caarapó: produtores rurais soltos, liderança indígena presa

Online | Brasil
por Maiara Marinho e Rafael de Abreu
Mídia e Justiça

Até que o Mágico de Oz perca a voz todo mundo já se calou

Online | Brasil
por Grazielle Albuquerque

A pandemia, a OMS e um movimento de mudança

por Paulo M. Buss, Santiago Alcázar e Luiz Augusto Galvão
Kathlen de Oliveira Romeu

Mais uma vítima do genocídio da população negra no Rio de Janeiro

Online | Brasil
por Rachel Gouveia Passos
Cidade livre, 2ª Temp. #03 - Produção e controle de cidades desiguais

Cidade livre, 2ª Temp. #03 - Produção e controle de cidades desiguais, com Tainá de Paula, Marcelle Decothé e Monique Cruz