O dilema de Washington: até que ponto armar a Ucrânia?

GRANDES LINHAS PARA UM ACORDO DE PAZ

O dilema de Washington: até que ponto armar a Ucrânia?

Edição 186 | Ucrânia
por Hélène Richard
25 de dezembro de 2022
compartilhar
visualização

A guerra na Ucrânia já soma quase 200 mil mortos e feridos, e os apelos por negociações para um cessar-fogo aumentam, sem impedir a intensificação do conflito. Em dificuldades no front, a Rússia bombardeia as cidades ucranianas a partir de seu próprio território. E os Estados Unidos continuam a entregar armas cada vez mais sofisticadas à Ucrânia

Nas últimas semanas, uma nova “música”, mais pacífica, vem da Casa Branca. Vazamentos na imprensa relatam contatos entre o conselheiro de Segurança Nacional Jake Sullivan e a guarda próxima do presidente russo, em particular seu conselheiro diplomático, Yuri Ouchakov. A existência desse canal – e o desejo de divulgá-lo – tem sido interpretada como a …

Conteúdo apenas para Assinantes



Artigos Relacionados

MERCADO

O governo Lula e a “política” do mercado financeiro

Online | Brasil
por Pedro Lange Netto Machado
NEGLIGÊNCIA

Os Yanomami são um paradigma ético mundial

Online | Brasil
por Jelson Oliveira
APAGÃO JORNALÍSTICO

O escândalo da Americanas: bom jornalismo é ruim para os negócios

Online | Brasil
por Luís Humberto Carrijo
GENOCÍDIO

Extermínio do povo Yanomami e repercussões no direito penal internacional

Online | Brasil
por Sylvia Helena Steiner e Flávio de Leão Bastos Pereira
EDUCAÇÃO

A violência da extrema direita contra professores

Online | Brasil
por Fernando Penna e Renata Aquino
CONJUNTURA POLÍTICA

Pensando o 8 de Janeiro

Online | Brasil
por Coletivo Desmedida do Possível
CONJUNTURA POLÍTICA

Brasil como laboratório da insurreição fascista - II

Online | Brasil
por Augusto Jobim do Amaral
CONJUNTURA POLÍTICA

Brasil como laboratório da insurreição fascista – I

Online | Brasil
por Augusto Jobim do Amaral