Arquivos Desigualdade social - Le Monde Diplomatique

Segregação residencial ajuda os mais ricos

A segregação constitui-se em um problema social, na medida em que não é apenas a expressão das desigualdades, mas é também produtora de desigualdades. Morar distante dos postos de trabalho, das oportunidades educacionais, culturais e de interação com pessoas com maior capital social e cultural diminui as chances de mobilidade social para os grupos situados …

por em

Guilhotina #168 – Jessé Souza

Bianca Pyl e Luís Brasilino entrevistam o sociólogo Jessé Souza, autor do livro “Brasil dos humilhados: uma denúncia da ideologia elitista”, lançado no fim de abril pela Civilização Brasileira. A obra é uma segunda versão da publicação “A tolice da inteligência brasileira”, de 2015, e denuncia o pensamento social brasileiro dominante. Conversamos sobre o papel …

por em

A verdade tem estrutura de Round 6

“Onde está teu irmão? Não sei: sou eu guardião do meu irmão? Gênesis 4:9   Em “O inferno”, segundo episódio da série sul-coreana Round 6, da Netflix, o detetive policial Hwang Jun-ho investiga o desaparecimento de seu irmão. Quando o policial chega à pensão onde Hwang In-ho mantinha seus pertences, a câmera no quarto se …

por em

Apartheid brasileiro e olhos que teimam em desolhar

Há poucos dias, viralizou nas redes sociais uma montagem de duas fotos. Localizada na parte de cima da montagem, a primeira mostrava a equipe de funcionários da Ável, empresa especializada em assessoria de investimentos ligada à XP Investimentos. Na segunda, inserida na parte de baixo da montagem, dezenas de garis trabalhadores do Rio de Janeiro. …

por em

A reforma administrativa vai reduzir a desigualdade no Brasil?

Na discussão sobre a reforma administrativa, a desigualdade só é lembrada quando erroneamente tentam apresentar o servidor como um privilegiado. Mas em um país internacionalmente reconhecido por enormes desigualdades, é absurdo que este não seja o ponto central não só desta, mas de qualquer reforma que pretenda melhorar o país. Para discutir como a reforma …

por em

O poder das grandes plataformas digitais avança sobre a educação

As tecnologias sempre causaram transformações abruptas nos currículos pedagógicos. No processo, longo e híbrido, de adaptação às mudanças técnicas, é gerada uma série de descompassos nas redes de educação, pois, normalmente, tal processo é movido por interesses comerciais. Nesse sentido, a manutenção das atividades escolares a distância, por meio do uso de plataformas digitais, a …

por em

O Brasil dos contrastes extremos

O isolamento social é a única arma que temos para segurar a disseminação do coronavírus enquanto a vacina não está acessível para toda a população, isso é o que mostra a prática ao redor do mundo e é a recomendação da Organização Mundial de Saúde. Mas ela só é possível se for acompanhada pela proteção …

por em

CEP cancelado

O aplicativo Covid por CEP, criado pelo urbanista Thales Mesentier, foi colocado no ar este mês. A ideia é ajudar no combate à pandemia a partir de dados georreferenciados, oferecendo visualização espacial dos casos da doença na cidade do Rio de Janeiro, de acordo com o código de endereçamento postal. É possível realizar a busca …

por em

A escalada da desigualdade em meio à “coronacrise”

Quando a epidemia de coronavírus foi descoberta pelos chineses, em dezembro de 2019, a economia-mundo já dava sinais de desaceleração. No meio da guerra comercial com os Estados Unidos, o crescimento econômico da China registrou, em 2019, seu pior resultado em trinta anos (6,1%). De todo modo, o crescimento do PIB norte-americano (2,3%), da zona …

por em

Covid-19 e a política urbana: a densidade não é a vilã

Um único lar de idosos no Brooklyn (Cobble Hill Health Center), em Nova Iorque, registrou aproximadamente três vezes mais mortes por Covid-19 que a cidade de São Francisco, cinco vezes mais que Cingapura e nove vezes mais que toda Taiwan. A dramática situação vivida no estado levou o governador Andrew Cuomo a sentenciar a densidade …

por em

Desigualdade

Tem sido comum atribuir à desigualdade a situação de pobreza, a violência e a criminalidade que campeiam no Brasil. Seria a enorme e crescente diferença entre ricos e pobres uma das principais causas dos males que afligem nossa sociedade. O diagnóstico não está errado, mas trata a desigualdade como causa, e não como consequência. A …

por em

Bilionários e a reforma tributária

Os dados publicados pela edição especial da revista Forbes que aponta os atuais 206 bilionários brasileiros, comparados às informações do IBGE, que mostra o rendimento médio da população de nosso país, trazem uma grande perplexidade para os cidadãos que têm sentimento de justiça social, valores como solidariedade e se preocupam com o futuro da nação. …

por em

A institucionalização das desigualdades e o populismo xenofóbico

Desde o dia 22 de julho, a Folha de S. Paulo (2019) vem publicando semanalmente uma série de reportagens especiais sobre a desigualdade global. A despeito da ausência de proposições óbvias para mitigar o problema – tributação progressiva, taxação de heranças e grandes fortunas, combate à evasão de divisas e aos paraísos fiscais etc. –, …

por em

Guilhotina #28 – Kátia Maia

Pela primeira vez nos últimos 15 anos, a redução da desigualdade de renda parou no Brasil e, também pela primeira vez em 23 anos, a renda das mulheres retrocedeu em relação aos homens. Além disso, há 7 anos, a proporção da renda média da população negra brasileira se encontra estagnada em relação aos brancos. Isso …

por em

O crescimento da desigualdade no capitalismo contemporâneo

Em resumo: aquele que pede reformas igualitárias de acordo com os tempos e as circunstâncias, como o socialista, baseia-se na história. Aquele que defende a constituição de uma sociedade igualitária, em que todas as diferenças são consideradas irrelevantes no que diz respeito à distribuição das vantagens e das desvantagens, voa pelos céus da utopia. [i] …

por em

As três batalhas de Raduan Nassar

Pela garganta é que se reconhece a fibra da reflexão, pelo calibre ranzinza da goela na hora de engolir”, diz, em Um copo de cólera, o personagem quarentão à sua jovem parceira, atribuindo, não à cabeça ou à profissão, mas a um defeito de anatomia a independência do pensamento. A contundência do timbre utilizado pelo …

por em

Camareiras nos palácios nova-iorquinos

Na prisão no último mês de maio em Nova York do ex-diretor do FMI, Dominique Strauss-Kahn, e de um homem de negócios egípcio, Mahmoud Abdel Salam Omar, ambos acusados de agredir sexualmente uma camareira, chamou a atenção do público sobre as relações de poder entre clientes e empregados nos hotéis de luxo. A indignação despertada …

por em

A (re)construção de Hanói

No escritório de cor azul celeste, figuram lado a lado fotografias de projetos realizados e uma tela de vídeo high tech. O arquiteto Hoang Huu Phe, de 55 anos, insiste que Hanói deve se engajar numa ampla política de desenvolvimento urbano. “No governo, alguns tratam a cidade apenas como uma entidade administrativa. Felizmente, essa visão …

por em

Saturação das metrópoles

Pela primeira vez na história da humanidade, a porção da população mundial que vive em áreas urbanas ultrapassou, entre 2007 e 2008, a daquela que vive em zonas rurais. Agora, mais de 3,3 bilhões de pessoas moram em cidades. Destas, mais de 500 milhões estão em megalópoles com mais de 10 milhões de habitantes ou …

por em

A luta por espaço

A reestruturação urbana pela “destruição criadora” adquiriu dimensão planetária. De Bombaim a Pequim, passando por Londres, Nova York ou Paris, bairros populares bem localizados são revitalizados, enquanto seus antigos habitantes são deslocados para conjuntos habitacionais de baixa qualidade nas periferias para dar lugar a projetos residenciais “de categoria”. Iniciativas culturais prestigiosas capazes de mobilizar investidores, …

por em

A insistência na violação

Os recentes debates públicos sobre o terceiro Programa Nacional de Direitos Humanos (III PNDH), publicado pelo governo federal em dezembro de 2009, exige considerar o que são e em que situação estão os direitos humanos no Brasil de hoje. A questão é complexa e, na tentativa de melhor compreendê-la, a abordaremos sob o enfoque do …

por em

Um Ensino Superior mais inclusivo

Desigualdade social e educação superior É amplamente aceito que o acesso à educação superior ajuda a quebrar o ciclo de pobreza intragerações e permite que comunidades marginalizadas participem mais intensamente do desenvolvimento (Diaz-Romero, 2007). Na economia globalizada e impulsionada pela informação da atualidade, investimentos igualitários em capital humano são ainda mais urgentes. Entretanto, na América …

por em

Detroit, retrato do pós-crise

Está sentindo? Você está sentindo esse cheiro?”. Dave, um rapaz de cerca de 30 anos, mora na Seven Miles Road, uma avenida situada no coração dos bairros pobres de Detroit, os quais ocupam uma faixa de dez quilômetros de largura entre o downtown (centro), reconhecível pelos seus arranha-céus, e os suburbs, os bairros abastados mais …

por em

Pichação, a marca da desigualdade social

Se a nossa pesquisa de público não estiver errada, boa parte dos leitores de Le Monde Diplomatique Brasil não tem muita familiaridade com a realidade dos pichadores. Talvez muitos achem que as letras estreitas e pretas que marcam os prédios de São Paulo colaboram para deixar a cidade com um aspecto sujo ou poluído. Para …

por em

De volta para o futuro

Durante as últimas décadas, os defensores e porta-vozes da globalização neoliberal, como o FMI (Fundo Monetário Internacional), o Banco Mundial e a maior parte da mídia, defendiam publicamente que não havia alternativas ao atual modelo de desenvolvimento. A pobreza que atingia milhões de indivíduos seria, principalmente, resultado da incompetência dos países do Sul tanto em …

por em

Mudar mentalidades e práticas: um imperativo

A crise climática é a consequência mais evidente, mais imediata e mais ameaçadora do modelo industrial, produtivista e consumista em que se baseia a nossa economia e o modo de vida que levamos. Não se trata de algo conjuntural, mas do esgotamento de um sistema que tem como motor o ter e o acumular. Um …

por em

França: o déficit permanente da moradia

Tornar possível o acesso à propriedade por meio do desenvolvimento do crédito hipotecário. Essa foi a resposta oferecida, em setembro de 2006, pelo presidente francês Nicolas Sarkozy para uma crise habitacional que está longe de se resumir aos 150 mil sem-teto do país. Atualmente, os aluguéis representam cerca de 25% da despesa das famílias francesas, …

por em

A pasteurização da esquerda

Na virada do século XX para o XXI, a América do Sul assistiu ao agravamento da questão social em decorrência das políticas neoliberais adotadas nas décadas precedentes. Isso fortaleceu os movimentos sociais e os partidos políticos que representavam alternativas de mudança. É o que explica a eleição para presidente da República de Hugo Chávez na …

por em

Regularização fundiária

Mais de 40 milhões de pessoas moram em áreas consideradas irregulares nas cidades brasileiras. Ou porque não têm o título de propriedade, ou porque lhes falta acesso a algum item de infra-estrutura básica como água, luz elétrica, coleta de esgoto ou coleta regular de lixo. O intenso processo de urbanização das últimas décadas é o …

por em

A lógica da desordem

Em menos de 40 anos, entre as décadas de 1940 e 1980, a população brasileira passou de predominantemente rural para majoritariamente urbana. Impulsionado pela migração de um vasto contingente de pobres, esse movimento socioterritorial, um dos mais rápidos e intensos de que se tem notícia, ocorreu sob a égide de um modelo de desenvolvimento urbano …

por em

O Bolsa Família funciona?

Dona Maria da Penha não teve uma trajetória muito fácil. Começou a lida na roça aos 8 anos de idade. Diz que não aproveitou a infância, sua única lembrança é ter trabalhado a vida toda. Saiu do interior do Espírito Santo para ser empregada em casa de família no Rio de Janeiro, mas logo cansou …

por em

Igualdade: o dinheiro é o limite

Pela primeira vez na história dos Estados Unidos, um negro tem chances reais de chegar à presidência da República. E como não podia deixar de ser, a discussão racial é um dos pontos mais presentes da campanha de Barack Obama. Dois momentos foram particularmente decisivos para o pré-candidato democrata. Um deles ocorreu na noite de …

por em

As bases sociais da explosão queniana

Três dias após as eleições históricas se realizarem num clima de perfeita calma – nas palavras do embaixador americano em Nairóbi, Michael Ranneberger – o Quênia pegou fogo. O anúncio dos resultados, manipulados em favor do atual presidente Mwai Kibaki1, imediatamente provocou mais de 700 confrontos. O incêndio espalhou-se rapidamente e a violência cresceu. A …

por em

A máquina da desigualdade

Concentração dos meios de produção, orientação do mercado para a exportação e o consumo de luxo, atuação oligopolizadora do Estado, mentalidade senhorial das classes altas: esses quatro fatores estão O Brasil aparece no cenário internacional como um exemplo de país capaz de realizar grandes avanços econômicos – colocando-se entre as mais importantes bases produtivas do …

por em