Da violência ao suborno - Le Monde Diplomatique

EDITORIAL

Da violência ao suborno

por Silvio Caccia Bava
1 de agosto de 2022
compartilhar
visualização

O assassinato do petista Marcelo Arruda pelo agente penitenciário federal Jorge José da Rocha Guaranho, bolsonarista, já não deve ser mais o último ato de violência política dos bolsonaristas contra os opositores do presidente. E as ameaças continuam.

Segundo a fala de Jair Bolsonaro, quando candidato à Presidência em 2018, a orientação dada aos seus apoiadores foi “fuzilar a petralhada”.1 Suas falas estimulam a violência contra negros, mulheres, LGBTQIA+ e indígenas, além de incentivar a violência policial. Essa orientação vem sendo seguida pelos grupos mais radicais que o apoiam, buscando impor o medo …

Conteúdo apenas para Assinantes



Artigos Relacionados

RESENHA

Atlas das situações alimentares no Brasil

Online | Brasil
por Livia Cangiano Antipon
DESENHO URBANO E APOROFOBIA

Da redescoberta da urbanidade às paisagens de marginalização

Online | Mundo
por Adalberto da Silva Retto Jr
Guilhotina especial

Barcarena e os impactos socioambientais da mineração

GUILHOTINA

Guilhotina #178 - Josué Medeiros

Direito à Educação

“A sociedade quer ver meninos na educação – meninas, em casa"

por Andressa Pellanda
“SÓ O INIMIGO NÃO TRAI NUNCA”

Bolsonaro, o autossabotador

Online | Brasil
por Rômulo Monteiro Garzillo
DIREITO À CIDADE

Metrópoles pós-pandemia exigem novas políticas públicas

por Gilberto Corso Pereira e Claudia Monteiro Fernandes
EXTREMA DIREITA MUNDIAL

Bolsonarismo e o terrorismo estocástico

Online | Brasil
por Rudá Ricci e Luís Carlos Petry