Transição antidemocrática em Honduras

Em 29 de novembro, dia da eleição presidencial em Honduras, os policiais recolhem as cruzes negras deixadas no chão após um tumulto. Cada uma delas leva o nome de um morto, assassinado durante os protestos contra o golpe de Estado que, em 28 de junho, derrubou o presidente Manuel Zelaya. Alguns minutos antes, a multidão …

por em

O Brasil em cima do muro

Em 18 de dezembro último, a delegação brasileira nas Nações Unidas se absteve de votar um projeto de resolução sobre a situação dos direitos humanos no Irã, apresentado à Assembleia geral da ONU. O posicionamento não é novidade, nem o Irã é um caso à parte. Seguindo o objetivo do Ministério das Relações Exteriores (MRE) …

por em

Direito de nascer

Segunda-feira, 24 de agosto, oito e meia da noite. O monitoramento do coração da criança indicara uma leve desaceleração. Somado ao fato de que, naquele dia, completavam-se 41 semanas de gestação – nas contas dos médicos –, a residente decidiu decretar: “Vamos ter de interná-la”. O desconcerto foi enorme. Apesar do nervosismo com a demora …

por em

Necessidades que passam despercebidas

Em um mundo cada vez mais preocupado com emissões de carbono ou poluentes químicos e nucleares, os excrementos patogênicos não parecem tão importantes. Desde o Grande Fedor de Londres (ler box), os países industrializados passaram a despender recursos consideráveis para limpar e sanear o ambiente urbano. Naqueles em desenvolvimento, o medo dos “maus ares” (mala …

por em

O fim de uma era

Ainda está para ser mais bem avaliada a enorme importância que teve – e continua tendo – a contribuição dos grupos de cidadãos e cidadãs que se organizam e se mobilizam em defesa de direitos para o processo de democratização brasileiro. Esses grupos de cidadãos e cidadãs fazem parte de um campo político que reúne …

por em

Por uma terceira idade ativa

A literatura sobre os idosos é extremamente abundante, porém de maneira geral diz quase sempre as mesmas coisas, com destaque para dois aspectos: em primeiro lugar, fala-se que o rápido aumento da expectativa média de vida (cerca de um trimestre a mais por ano) em países como a França não poderá ser suportado pela população …

por em

O desejo asfixiado

Uma fábula vem dominando os últimos decênios, iludindo grande parte de pensadores políticos e filósofos. Narrada após 1968, ela queria nos fazer crer que estávamos entrando na era do “tempo livre”, da “permissividade” e da “flexibilidade” das estruturas sociais – em suma, na sociedade do lazer e do individualismo. Teorizado sob o nome de sociedade …

por em

A decadência da poesia

A situação No século XXI, agora solidamente estabelecido, a poesia continua a perder espaço: nos jornais – o Le Monde des livres, suplemento literário do diário francês Le Monde, pode passar um ano inteiro sem publicar resenhas de livros inéditos de poesia contemporânea; nas livrarias, que, na maioria, não contam mais com uma seção dedicada a …

por em

Cultura: uma necessidade básica

Conversar com representantes do governo em 2010 pode dar margens para um “acerto de contas” ou um “balanço de gestão”. Nessa entrevista com Juca Ferreria, porém, as polêmicas que possam ter permeado a gestão do Ministério da Cultura ficaram secundarizadas, dando espaço para um debate de fundo sobre a visão de cultura no país. “A construção ideológica do …

por em

De olho nas licitações

O que move um prefeito como o de Florianópolis a contratar, sem licitação, os serviços de uma empresa para construir uma árvore de Natal por R$ 3,7 milhões? A suspeita é de um superfaturamento superior a R$ 2 milhões! Nas ruas, os brasileiros buscam respostas para essa e outras mazelas que acompanham a rotina dos …

por em

Democracia, inovação e cultura digital

I A política vaticina que os cem primeiros dias de um presidente são definitivos. É nessa época que o novo governante marca posição e anuncia à sociedade suas prioridades – que, com o avanço e a complexidade da democracia contemporânea, geralmente são baseadas em um programa já apresentado durante o período eleitoral. Com Barack Obama …

por em

A trajetória da cooperação internacional no Brasil

A chamada cooperação internacional no Brasil tem uma longa e importante história, e aqui me refiro especificamente às fundações e organizações não-governamentais internacionais, americanas e europeias: as fundações privadas, como as Fundações Ford, Kellogs, Rockfeller e MacArthur, ou organizações não-governamentais internacionais, confessionais ou não, como Oxfam, Novib, ICCO, EZE, Conselho Mundial das Igrejas e ActionAid, …

por em

Um presidente conciliador

Nos últimos tempos, não houve um presidente americano que ascendeu ao poder com objetivos tão ambiciosos no campo da política externa quanto os de Barack Obama. Ao ser empossado, em janeiro de 2009, num momento em que a reputação internacional dos Estados Unidos estava seriamente abalada, ele se propôs a restaurar o prestígio do seu …

por em

Detroit, retrato do pós-crise

Está sentindo? Você está sentindo esse cheiro?”. Dave, um rapaz de cerca de 30 anos, mora na Seven Miles Road, uma avenida situada no coração dos bairros pobres de Detroit, os quais ocupam uma faixa de dez quilômetros de largura entre o downtown (centro), reconhecível pelos seus arranha-céus, e os suburbs, os bairros abastados mais …

por em

As reformas no papel

A necessidade da luta frontal reúne pessoas que normalmente não teriam motivo ou afinidade para juntar forças, mas que o fazem por conta do seu desejo comum de destruir o mesmo alvo. Tão logo o inimigo é derrubado, os problemas começam. E, com eles, surge a pergunta: o que fazer agora? À medida que as …

por em

O que esperar de 2010

Aparentemente a eleição presidencial de 2010 não terá grande significado, posto que os programas dos partidos que disputarão a Presidência da República, com maiores chances de vitória, são muito semelhantes. Tudo não passará, portanto, do âmbito da luta entre facções de um mesmo bloco político. Em outras palavras, uma eleição tranquila para o establishment burguês. …

por em

A ordem é matar e criminalizar camponeses

Após a ditadura militar, as demandas camponesas ressurgiram com o rosto do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST), no momento em que teve início o longo período de descenso do movimento operário brasileiro, fruto da crise de desemprego da segunda metade dos anos 1980. Essas circunstâncias foram fator de expulsão dos trabalhadores da cidade1 e, …

por em

O Islã é expansionista?

Uma pergunta deixa a Europa inquieta: o Islã é intrinsecamente expansionista e conquistador? Sim, alegam, na Suíça, os que promoveram um plebiscito contra a construção de minaretes, baseados nos escritos de uma nova corrente crítica ao Islã.1 Esse expansionismo seria sustentado por um desejo de hegemonia política atribuída à natureza da “ideologia islâmica” – que seria pró-natalidade, …

por em

Corrida às terras férteis

Entre 18 e 19 de novembro de 2009, o Centro de Conferências Elizabeth II, em Londres, acolheu investidores britânicos em Serra Leoa. No fórum, o ex-primeiro-ministro Tony Blair, cuja fundação para a África patrocinou o evento, incitava os participantes a adquirirem propriedades rurais num país que, em suas palavras, “dispõe de milhões de hectares de terras aráveis1.” Levado …

por em